Olá leitores,

Hoje trago para vocês a resenha do romance "Onde Fica o Para Sempre" da autora parceira Mayra Carvalho!
O romance me surpreendeu, tanto pela história, como pela escrita que é tão madura. Ganhou um lugar entre os meus favoritados do ano.

Livro: Onde Fica o Para Sempre
Autora: Mayra Carvalho
Páginas: 228
Editora: Drago Editorial
Nota: 💙💙💙💙💙 Favoritado


"Quando alguém muito próximo da gente morre, é como se morrêssemos também. Então existe um momento em que, quem fica, precisa renascer [...] É preciso reaprender a viver sem a pessoa que tanto amávamos"



SINOPSE: Olívia vê sua vida se transformar quando seu grande amor, Daniel, com quem namorava há mais de dois anos, morre em um trágico acidente de moto. Devastada pela perda e sentindo-se culpada por sua morte, a jovem segue com a vida achando ter superado tanta dor. Em alguns momentos de introspecção, ela pensa ter visto o espírito de Daniel, mas rejeita tal possibilidade, responsabilizando por tais visões, sua mente perturbada. Dois meses após a morte do namorado, Olívia tem sua vida revirada novamente, mas agora a mudança partiu de sua própria vontade. Mesmo com as forças extenuadas, ela segue os conselhos dos pais e das melhores amigas e vai para a faculdade de letras, com a qual tanto sonhou. Agora morando sozinha, longe da proteção da família e tendo que tocar o próprio barco, Olívia tenta juntar os pedaços e recomeçar a viver. Mas alguém não a deixa ser feliz... Daniel!

Olívia é uma garota que acabou de completar 18 anos e teve sua vida virada de cabeça para baixo. Ela perdeu seu namorado, Daniel, em um acidente de moto e de repente é obrigada a conviver com todos os planos que não foram consumados e com uma dor que corrompe o seu coração. A jovem já não enxerga razões para continuar levando sua vida normalmente, seu mundo, literalmente, acabou.
Olívia e Daniel estavam juntos à dois anos, eram conectados pelo amor a música e a escrita. Ela compunha e ele tocava/cantava. 
Mas Olívia precisa se reerguer e continuar a viver, tocar seus planos e sonhos. A garota então começa o primeiro semestre de Letras na USP, decidida a radicalizar, vai morar sozinha. Na verdade, ela passa a dividir um AP com duas outras meninas, Carina e Julia.
Em meio as novidades da sua vida, Olívia começa a ter visões do espírito de Daniel. A primeira ocorre quando ela vai a casa dele buscar alguns pertences para guardar de recordação. 


"As minhas escolhas que vão me salvar ou me matar"



Na Universidade, Olívia conhece Vinicius e se encanta no primeiro olhar. Ela tenta negar para si mesma que sente algo e se recusa a "trair" o Dan, para ela isso é algo inconcebíbel. A partir deste momento, as visões com Daniel se tornarão mais fortes e ele passará a falar brevemente com ela.
A garota pensa que está ficando louca, que tudo não passa de delírios, mas diante de imagens e conversas tão nítidas ela já não sabe distinguir os fatos a sua volta. Olívia decide contar para suas  melhores amigas, Michele e Lorena, tudo que lhe vem ocorrendo. E disposta a ajudá-la, Mi sugere que elas façam o Jogo do Copo.
No Jogo, Daniel consegue mandar algumas mensagens para Olívia, formando as palavras: GAROTO. LONGE. SALVE-A. LIBERTE. Olívia não compreende as conexões das palavras e sente-se mais perdida... 
Sua vida se tornará um jogo e nesse jogo, Daniel só a quer para ele... Ela tentará arrancar forças para se reerguer, ela deseja recomeçar e reviver. Daniel não quer sua felicidade, seu egoísmo chega a sugerir que ela se mate. Vinicius deve ser uma carta fora do baralho. Mas como ela pode abandonar alguém que só lhe tem feito bem? Como ela pode se afastar da única pessoa que foi capaz de trazer cor a sua vida? Quem ela precisa salvar? Como ela pode salvar alguém, se ela mesma não consegue se salvar do seu passado?


"A gente complica tanto a vida, e ela não tem nada de complicada. Basta fazer o que se tem vontade e ela fica muito mais leve"



O livro nos traz uma porção de reflexões, confusões e sentimentos. A Olívia está perdida, não consegue desapegar do seu passado e seu futuro está seriamente comprometido. Ela precisa fazer as pazes consigo mesma para seguir em frente, e quem não precisa?
Às vezes, não nos permtimos viver por lembranças e amores de um passado, e enquanto você não decidir se libertar, irá continuar atada as algemas que te impedem de sorrir e ser feliz novamente. Com a Olívia aconteceu isso mesmo, mas sua história é bem mais profunda.
Ao descobrirmos os motivos que tornaram o Daniel egoísta, compreendemos tantos fatos que o nosso coração se torna leve, assim como o dele. O livro tem uma sequência de descobertas, aceitações e desafios que prendem o leitor a cada página. Não consegui largar a história enquanto não a terminei, me prendeu, me surpreendeu e me encantou. Chorei, sorri e carreguei cada personagem no meu coração.


"Uma coisa é perder alguém para a morte, outra bem diferente é perder para você mesma"


A Olívia e o Vinicius possuem uma ligação bem mais profunda, o destino (ou as ecolhas) encarregou-se de juntá-los. O amor floresceu na alma de ambos, no entanto, esse sentimento não depende apenas dos dois, forças ocultas e poderosas podem interferir neste relacionamento.
O livro é muito bem escrito, todos os pontos da história estão ligados, não há furos ou buracos, o leitor consegue seguir o fio da meada fluidamente. A edição do livro está linda, a capa é marcante e cada capítulo apresenta frases fortes. O livro tem 4 erros de digitação, que para alguns leitores possam passar despercebidos, mas creio que foi um erro de revisão da editora.

O Para Sempre é só uma continuação, que dependendo do ponto de vista de cada pessoa, pode mudar e se renovar, ou se acabar e ceifar. O Para Sempre é só o início de uma nova história, é o recomeço de uma vida, é a esperança de duas almas. O Para Sempre é construído de agoras e o agora é construído por nossas ações. Não adianta esperar um Para Sempre feliz, se você não consegue fazer do seu "agora", feliz. Viva o seu Para Sempre com amor, seja o amor e seu Para Sempre terá valido a pena!!!

Essa história é tão maravilhosa que se eu fosse vocês não perdariam tempo e iriam direto comprar o livro. Quem se interessou pela obra é só adquiri-lá AQUI!
A autora estará na Bienal de São Paulo nos dias 02 e 03 de setembro de forma Não Oficial, infelizmente :/

Espero que tenham curtido a resenha, tanto quanto eu gostei de escrevê-la!!!


"Tudo que acontece em nossa vida são consequências das nossas escolhas, e o meu destino nada mais é do que a consequência das escolhas que fiz [...] Eu escolhi não sofrer mais"

Contatos da autora:
Facebook
Página do Livro
Instagram



Beijinhos da Lice!

4 Comentários