Eu ainda lembro do seu sorriso... Aquele sorriso de canto que por tanto tempo foi o meu canto...
Aquele sorriso que eu amei no primeiro momento, que causava um formigamento no meu estômago e me tranquilizava... Eu ainda lembro do seu sorriso...


Admito que passei muito tempo querendo esquecer aquele bendito sorriso, pensava que desta forma, talvez, voce saísse um pouco dos meus pensamentos e resolvesse atormentar outra pessoa. É, não funcionou. O tal sorriso resolveu me acompanhar e resolveu inventar de ser visto a cada ser abordado na rua. O que um bendito sorriso não faz?!

Eu tentei esquecer tudo que me recordava você. Passava horas evitando parques, sorvetes e noites estreladas. Tudo isto nos marcou, quer dizer, me marcou... Lembro claramente de cada ida ao parque que acabava transformando-se em uma guerra particular onde a sua diversão era me descabelar, segundo você, daquele jeito eu era perfeita.
E eu fui perfeita para você durante certo tempo, devo afirmar que foram os melhores tempos. Nesse tempo eu era feliz como uma garotinha que acabou de ganhar uma barbie, eu era realmente uma criança em festa e a minha festa só era completa na sua companhia.
Éramos duas crianças que não sabiam como agir, mas estavam dispostas a fazer o melhor pelo outro. Mas falhamos, fomos imperfeitos...

Eu não estava preparada para te dar o que você desejava, eu queria mais. Queria descobrir o mundo, ir atrás de novas aventuras, criar e reiventar. Já você queria a mesma vida de sempre, ali era o seu lugar, não o meu. E de repente a mágica acabou...

Certo tempo depois soube que você estava feliz, tinha achado alguém que também era dali. Devo confessar que ao ouvir aquelas palavras senti um certo incômodo. Saber que aquele sorriso já não me pertencia, dóia. Mas eu tinha que aceitar, agora você pertencia a outro alguém e aquele sorriso não era o "meu" sorriso.



Aos poucos fui me acostumando com a idéia e não lembrava tanto dos nossos momentos. Eu consegui alcançar cada momento sonhado, tinha criado e reiventado. Mas depois de alcançar o que parecia tão distante, o vazio me dominou. Naquele momento a ficha tinha caído. Eu abdiquei de tantas coisas por aquele momento e agora ele tinha passado, em um segundo já não restava mais nada. Eu percebi que não importava o que eu tinha feito ou o que eu iria fazer, eu pertencia somente àquele sorriso, ao seu sorriso. Um sorriso que eu perdi por ignorância, um sorriso que eu perdi por estupidez, um sorriso que eu perdi pela minha teimosia...


Hoje recordo do teu sorriso claramente, mas como outrora, não desejo esquecê-lo, sou feliz por lembrá-lo. Sou feliz por saber que em algum momento ele me pertenceu e que eu fui a culpada por ele existir. Eu ainda lembro do seu sorriso... E esta é a maior dádiva com que a vida pode me presentear... 
Talvez um dia eu finalmente esqueça-o, mas o seu sorriso sempre será o melhor sorriso, mesmo que eu não lembre, mesmo que outro sorriso me pertença. O seu sorriso é tao meu que deixou de ser seu, e hoje ele habita no meu sorriso! 




Alice Martins


14 Comentários

  1. Ah, sorrisos e seus encantos. ♥
    São apaixonantes e memoráveis.
    Adorei seu texto e ele mostra a realidade. ♥
    Art of life and books.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, simplesmente lindo! Parabéns 👏🏻👏🏻💖.

    Http://Bibliotecadeopinioes.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Que lindoooo *------*
    "E eu fui perfeita para você durante certo tempo, devo afirmar que foram os melhores tempos." >> adorei esse trecho.
    Amei, amei <3

    ResponderExcluir
  4. QUE TEXTOOOO LINDO! VC TEM A ESCREVEE UM LIVRO, VC ESCREVE MT BEM 💕

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada *__* Quem sabe um dia tenho coragem de publicar hahah

      Excluir
  5. Mds que texto 😍😍😍💙 sou apaixonada por sorrisos e ao ler esse texto fui só imaginando... 😍 Parabéns 💙


    www.poraodalara.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Alice que texto incrível. E os gifs deixaram tudo ainda mais LINDO. Amei amei amei. Escreva mais. Beijinhos
    insidethebookssite.wordpress.com

    ResponderExcluir