Oii amores, tudo bem?

Para encerrar a "Semana Caçadora de Estrelas" temos o quê? Isso mesmo, uma resenha!
Devo salientar que este livro foi um dos mais difícies de resenhar. Mesmo depois de 15 dias de lê-lo estou escrevendo e as lágrimas descem sem a minha permissão. Tentarei colocar aqui tudo que senti com a leitura e espero que ao final vocês possam sentir-se extasiados tanto quanto eu.

Caçadora de Estrelas
Autora: Raiza Varella
Páginas: 383
Nota: 💙💙💙💙💙 Favoritado/Melhor da Vida 

"Hoje, eu não sou mais uma simples caçadora de estrelas, sou a dona da constelação"


SINOPSE: Após flagrar o seu atual namorado com outro cara - não, você não leu errado - e constatar que o safado tinha um gosto para homens até melhor do que o seu, Eva se arrepende por ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até e o país para segui-lo e decide que é hora de voltar para a casa, com o rabo entre as pernas, um mau humor feroz e sem um tostão no bolso. Mas ao contrário do que imaginou não é recebida com faixas e balões, muito menos com boas-vindas e sim com mais e mais azar - como se não bastasse todas as vezes em que foi traída, abandonada pelo circo ou roubada por alguma estrela errada -, seu irmão acabou com seu carro novo, seu pai se casou, ela ganhou duas quase irmãs indesejadas, seu melhor amigo roubou seu gato e ainda de quebra arrumou uma namorada. Embora a vida em casa não esteja como deixou, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. O que em seu dicionário quer dizer se embebedar, distribuir socos e grosserias a quem quer que esteja ao seu alcance e recuperar seu gato - a qualquer custo -, nem que para isso precise roubá-lo de volta.
O que desconhece é que o destino iria lhe preparar uma surpresa, lhe oferecendo algo que não poderia ter, um amor proibido. Será ela corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?


"Caçadora de Estrelas" contará a história da Eva Marinho, uma maluquinha de 25 anos formada em Psicologia que sempre fez tudo que lhe deu na teia e tem o sonho de encontrar sua estrela. Não, eu não pirei, a Eva busca a sua estrela que representa o amor da sua vida, o seu príncipe, aquele que lhe proporcionará o seu "felizes para sempre".
Ela tem a ideia fixa de buscar sua estrela desde o dia da morte da sua mãe. Sua mãe, antes de morrer afogada lhe contou a "Lenda da Estrela", que fala sobre um amor verdadeiro que culminou em uma tragédia e dele nasceu as estrelas. Desde então, a vida da jovem tem sido baseada nessa busca desenfreada da "sua estrela".

No entanto, a Eva só tem achado meteoros. Ao longo da sua vida ela teve seu coração partido 6 vezes. A primeira decepção ocorreu quando ela ainda estava no primário e tinha apenas 5 anos; a segunda foi aos 12 anos, quando pegou seu namorado com sua melhor amiga; a terceira e mais dolorosa foi aos 15 anos; a quarta foi com um palhaço (literalmente) que acabou fugindo com o circo; a quinta foi com um vegetariano que pegou-a comendo carne; e a sexta e última foi quando pegou o seu namorado com outro homem na cama... E em todas essas decepções, lá estava Gabriel, seu melhor amigo, para juntar cada caco do seu coração e deixá-lo batendo firme novamente. 
A história começa exatamente após a última decepção da Eva. Ela abandonou tudo para ir morar com seu namorado em Londres e acabou frustando-se novamente. Eva fugiu do Brasil sem se despedir do seu pai, do seu irmão, da sua melhor amiga. Abandonou seu emprego estável em um banco, deixou seu gato para trás e ainda saiu brigada com o Gabs, mas ela tinha esperança que daquela vez daria certo. É, não deu... 

"Eu tinha apenas UM MALDITO SONHO: encontrar o cara perfeito! Será que é pedir demais?"

Ao sofrer mais uma vez, Eva está voltando para o Brasil e ao chegar em Santos, ela verá que a vida mudou e que esse tempo que manteve-se afastada as coisas foram bem diferentes. As pessoas não pararam sua vida por causa dela. Ela irá descobrir que seu pai casou-se sem lhe dizer nada e agora ela tem uma madrasta (Clara) e duas novas irmãs (Alice e Juliete). 
Seu irmão pegou seu carro novinho e deu PT, seu gato foi "sequestrado" pelo seu melhor amigo e o pior de tudo, o Gabs está namorando com a sua nova irmã, Alice. 

Diante de uma realidade completamente diferente daquela deixada quando saiu do Brasil, ela terá que lidar com sua nova vida e fantasmas passado. A Eva se perderá em meios a novas descobertas  e mais do que nunca precisará do colo do seu melhor amigo. No entanto, agora ela não poderá tê-lo quando desejar, ele tem uma namorada (a primeira da sua vida) e outras prioridades. Eva terá que controlar seus ciúmes e egoísmo, além de administrar a volta do seu terceiro namorado, Benjamin.
Ele fugiu para Londres sem desperdir-se dela logo após a primeira vez deles. A Eva sempre considerou o Ben como seu grande amor, ele foi o que mais a machucou e por isso Gabs nutre por ele um grande rancor. O Ben está disposto a provar que mudou e quer reconquistar a Eva, porém, agora outros sentimentos estão envolvidos e talvez o tempo dele tenha passado.    

"Eva não chora, nunca. Eva apenas se destrói, mas nunca, nunca, chora"

Aos poucos, a Eva vai descobrindo sentimentos que antes estavam escondidos na sua alma. Ela vai descobrir segredos do seu passado que a destruirão e precisará abandonar o seu egoísmo para cuidar de quem ama. Eva precisará crescer. Gabriel precisará dela pela primeira vez e ela terá que provar que é forte o suficiente para ajudá-lo nesse momento. 
A dor realmente faz crescer? Como lidar com sentimentos novos? Você escolheria o egoísmo ou o altruímo? Eva terá que aprender a viver novamente, mas antes de tudo precisará ser altruíta e libertar-se das dores e amarras do passado...
 


A história mescla capítulos narrados pela Eva, Gabriel e alguns do Benjamin. Desta forma, o leitor consegue sentir exatamente o posicionamento de cada personagem na trama e suas intenções e sentimentos.
A Eva é uma personagem banhada pelo egoísmo, tudo tem que ser do jeito dela e isto é culpa das pessoas ao seu redor, que sempre a mimaram por causa da morte da sua mãe. Mesmo sendo tão egoísta, a Eva é hilária, uma completa maluca. Suas cenas levam o leitor a gargalhar. Ela é presa, tem relacionamentos atrapalhados, sente raiva e ciúme, mas tem um coração lindo.

"O destino é mais covarde o que eu pensava..."

O Gabriel é de longe o personagem mais apaixonante. Altruísta, bondoso, amoroso, ele sempre deixou de lado suas vontades para socorrer a Eva e animá-la. Seus pais se separaram quando ele ainda era pequeno e sua mãe falesceu quando ele era um adolescente. Desde então, ele mora sozinho, sua família é a família da Eva. Cada linha do livro nos faz amar o Gabs, principalmente depois de ter consciência que ele curou o coração partido da Eva tantas vezes, mesmo sendo completamente apaixonado por ela. Ele se doou por ela e a Eva nunca percebeu o homem que tinha ao seu lado.

Benjamin foi o grande amor da Eva e vai voltar para balançar a vida dela que já não anda nos eixos. Ele realmente arrependeu-se do seu passado e a ama verdadeiramente, estando disposto a esperá-la pelo tempo que for necessário. No fim do livro, o leitor sente uma grande empatia por ele, arrebatou uma pequena parte do meu coração.

"Era amor. O dela diferente do meu, mas ainda assim era amor"

O Cupido (gato da Eva) será o xodozinho do livro, ele passará a odiar sua dona depois que ela o abandonou para ir à Londres. Ele vive com o Gabriel agora e toda vez que a Eva chega perto dele, leva uma boa dentada (amo essa gato hahaha). 
Outra peculiaridade da Eva é que ela AMA comida, principalmente hambúrgers. Ela também bebe um bom uísque e fuma quando está nervosa. O Gabs sempre mantêm esse kit disponível para tirá-la da fossa.

Aos poucos, a Eva vai aprendendo a viver com a sua nova realidade, vai aceitando as mudanças e adaptando-se a elas. Ela acaba tendo uma relação bonita com a Juliete, filha da sua madrasta. Ela enxerga na menina, a irmã que nunca teve e o sentimento é recíproco. Já a Alice, a irmã de Juliete é uma personagem intragável, porém o final dela é lindo e acabei o livro gostando dela hahaha

Não posso contar muitos detalhes da obra sem soltar grandes spoilers, mas o que posso adiantar é que esse livro é repleto de AMOR. Cada cena contêm um amor absurdo, amor genuíno, puro e caridoso. O Gabriel é cheio de amor, a Eva está descobrindo o amor verdadeiro e todos os outros personagens tem amor dentro de si, assim como um laço forte de carinho e amizade.
A Eva vai amadurecendo no decorrer do livro, a egoísta do início vai dando lugar a uma mulher forte, que sabe o que quer e o que tem que fazer. É lindo ver o desenvolvimento da personagem como pessoa.  

"Se você ama alguém de verdade você fica, Eva. Não importa quanto doa se despedir, ou do que tenha que abrir mão, você fica"

"Caçadora de Estrelas" foi o primeiro livro que li da Raiza e sua escrita me encantou. Se eu quis matá-la no final? Sim, eu quis! Mas aí eu parei e entendi que o final não poderia ter sido mais lindo e realista, os leitores precisavam daquele final, eu precisava daquele final.

Praticamente chorei o livro inteiro. Com toda certeza, foi a obra que mais derramei lágrimas e a que mais me ensinou. Me ensinou o que é amor, me ensinou que oportunidades não devem ser despedaçadas, me ensinou que mesmo pouca coisa de algo já é melhor do que nada, me ensinou que a vida é imprevisível e que corações foram feitos para serem quebrados (por quem merece).

Depois de ler "Caçadora de Estrelas" é impossível não considerá-lo um dos melhores livros do universo. Eu acabei a leitura e estava perplexa, não sabia como agir e só sabia soluçar como uma louca. No dia que terminei de lê-lo uma parte de mim ficou perdida naquelas páginas e eu sou grata a Raiza por isso!  O Gabs ficará marcado em mim, a Eva será lembrada em cada hambúrger e brinquedinho do MC e cada gato me lembrará o Cupido.
Um livro bom é aquele que mexe com seus sentimentos, que te tira gargalhadas e te faz soluçar, e isso a Raiza soube fazer maestramente.

"EU AMO O SUFICIENTE. O suficiente para ficar"

Hoje eu sei que a minha "estrelinha" está por aí em algum lugar e que a cada noite ela vem me trazer mais ânimo e preencher o meu coração de felicidade.

"Precisa de mim aí?" Sempre!


"Eu vou ficar porque o meu egoísmo é menor do que meu amor" 

Redes Sociais da Raiza:

Link de Compra:

Espero que essa "Semana Caçadora de Estrelas" tenha sido marcante para vocês, assim como foi para mim e que eu tenha conseguido passar na minha resenha todos os sentimentos que descobri durante a leitura!!!


Beijos da Alice, uma Caçadora de Estrelas 

Oi amores, tudo bem?

Dando continuidade a nossa Semana Caçadora de Estrelas, temos a entrevista. Uma oportunidade de conhecer a mente criativa da responsável por essa história que está encantando tantos leitores.
Venham conferir a entrevista onde a Raiza Varella nos conta sobre o processo de escrita de "Caçadora de Estrelas", das sensações que sentiu e sobre a criação dos personagens...




Entrevista:



1- Como surgiu a ideia para escrever "Caçadora de Estrelas"?
Resposta: Uma amiga me contou uma história certo dia. Ela era bem diferente da que eu apresento em Caçadora, mas assim que ela terminou de falar, Eva entrou na minha mente sem um convite arrastando o Gabs pela mão e exigiu que eu escrevesse a história dos dois. Fui ameaçada, e quem conhece a Eva sabe o tamanho do seu poder de persuasão rs.



2- Se inspirou em alguém conhecido para criar Eva e Gabriel? Se sim, em quem?
Resposta: Não, em ninguém. Não tenho o hábito de criar meus personagens me baseando em pessoas do meu convívio. Gosto que eles sejam eles mesmos, com suas manias, defeitos e qualidades e não copias de outras pessoas. Para mim eles são reais, existem e devem ser únicos cada um à sua maneira. 



3- Quanto tempo demorou para concluir a história?
Resposta: Foi o livro que mais demorei para terminar. Quando iniciei o projeto estava grávida de 8 meses e parei por um tempo quando meu filho nasceu. Todo o processo durou cerca de 4 meses. 




4- Pensou em outras possibilidades de final ou quando começou já sabia como ia terminar?
Resposta: Nunca existiu outra possibilidade de final. Quando iniciei já sabia como iria terminar e prometi para mim mesma que não mudaria de ideia, que iria até o fim com o que me propus a fazer. 



5- O quanto e o que Eva tem da Raiza?
Resposta: Muito, eu acho. Eva tem a minha fome, minha tara por hambúrgueres e meu mau humor matinal. Não me acho a pessoa mais egoísta do planeja, mas tenho ciúmes das minhas pessoas, assim como ela.




6- Qual o trecho de Caçadora mais te emociona e o por quê?
Resposta: Nossa, são muitos. Os momentos vividos compartilhados na praia, o pedido, o vestido na altura dos joelhos e muitos outros. Mas nenhum se compara aos “sete anos depois do fim”. Fico orgulhosa de ver a pessoa que a Eva se tornou, minha menina cresceu! 



7- Já conhecia a "Lenda da Estrela mais brilhante do céu" que aparece na narrativa ou ela é de sua autoria?
Resposta: A lenda é de minha autoria. 



8- O que te fez escrever uma história nesse sentido, com esse tema?
Resposta: Ela despencou nos meus pensamentos desse jeitinho. Eu brinco que não escolho a história que vou escrever ou mesmo como vou conta-la porque nunca tenho voz diante dos meus personagens. Suas histórias chegam prontas para serem escritas e por mais que eu queria mudar isso ou aquilo, são eles quem a conduzem. Os bichinhos têm vida própria rs.



9- Chorou em algum momento enquanto escrevia?
Resposta: Não derramei uma lagrima sequer. Mas dois anos depois de ter terminado fiz uma última revisão para prepará-lo para chegar aos leitores e fiquei bem emotiva em algumas cenas, principalmente as que não existiam antes e escrevi de última hora. Então admito que reler essa história e ajustá-la depois de tê-la guardado tanto tempo na gaveta me emocionou bastante.



10- O que você quis passar para o leitor com a história?
Resposta: Que devemos sempre viver o hoje e amar as pessoas que são importantes todos os dias. 



11- O que "Caçadora de Estrelas" significa pra você?
Resposta: Eu amo cada um dos meus filhos literários, mas Caçadora é a menina dos meus olhos, meu pedacinho de amor em forma de palavras. Tudo e qualquer coisa boa que tenha dentro de mim estão nessas páginas. Sim, ele é meu projeto favorito, assim como Gabs é meu mocinho favorito. Que o Monstro não me escute, ele é bem ciumento! rs



12- Imaginou que teria a aceitação que está tendo?
Resposta: Imaginei que os leitores iriam amar ou odiar a história, que não teria meio termo e acho que acabei acertando. Mas não imaginei que tantas pessoas fossem amar e que eu receberia tantos feedbacks positivos em tão pouco tempo. Foi uma grata surpresa e uma felicidade sem tamanho, porque meu amor por essa história é grande demais. Me emociono a cada recadinho, a cada palavra, a cada foto. <3 Gratidão é a palavra.



13- O tema de "Caçadora de Estrelas" é pessoal pra você Viveu algo parecido?
Resposta: Sim, eu vivi. Tenho as minhas duas estrelas brilhando por mim todas as noites de céu estrelado e essa história foi a melhor forma que encontrei para homenageá-las. 



O especial de hoje termina aqui. Espero que tenham curtido o post e adorado conhecer a Raiza e Caçadora de Estrelas melhor!!


Lembrando que amanhã é o ultimo dia. E claro que será finalizado com chave de ouro, vocês já podem imaginar o que vinrá???



Beijos da Lice

Oii amores, tudo bem?



A Semana Especial de Caçadora de Estrelas continua, e hoje iremos dar destaque aos personagens que aprendemos a amar e admirar durante a leitura.
Quando lemos uma história, temos a mania de imaginar uma tal pessoa como um certo personagem... E é claro que cada um idealiza o físico do seu personagem a sua maneira.
O elenco dos personagens do post de hoje foi feito pela "criadora" deles, a escritora Raiza Varella.

Vamos conferir como a própria autora imagina seus "filhos literários"?






Eva é Blake Lively: A Eva é aquela personagem que nem é maluca (mentira! Ela é maluca sim!). Fã numero 1 de hambúrguer e Mc Donald's, tem pavor de baratas e algumas manias um pouco excêntricas. Sonha em encontrar um grande amor e sempre se empenha ao procurar por sua "estrela". Ela foi capaz de largar tudo pra trás por causa de um amor que não deu certo. Será que a Eva terá sorte em encontrar sua estrela? Será que ela precisa ir tão longe pra procurar, ou ele pode estar mais perto do que ela imagina?






Gabriel é Jensen Ackles: Muitos suspiros para esse personagem (e pro Jensen também, é claro!) Gabriel é o melhor amigo da Eva e sempre esteve ao seu lado nas alegrias, nas tristezas, nas decepções amorosas protagonizadas pela Eva e em todos os momentos em que ela precisa dele. Ele é aquele amigo que muitas pessoas tem vontade de ter. Definitivamente o Gabs é um dos meus amores literários e será um personagem inesquecível pra mim.







Benjamim é Jared Padalecki: O Ben vem pra finalizar esse elenco masculino bonito! Há muitos anos atrás, ele era amigo de Gabriel e Eva, mas acabou mudando-se para Londres e não mantiveram contato. De volta para Santos, litoral de São Paulo, o Ben quer mostrar que se tornou uma pessoa melhor e quem sabe voltar aquela época que já se perdeu.

É isso, pessoal! Espero que tenham gostado do elenco que a Raiza montou com tanto carinho.
Afinal foram esses rostos que ela imaginava para os seus personagens enquanto escrevia.

E vocês imaginaram quem para ser os personagens? Vamos adorar saber a sua opinião.
Confesso que eu os imagino totalmente diferentes, principalmente o meu amorzinho Gabs e o Ben. Desculpa sociedade, mas não acho o Jared gato hahaha


Para adquirir o E-book de Caçadora de Estrelas CLIQUE AQUI!


BookTrailer do Livro



Beijinhos da Lice

Oiiiie amores,

Hoje o dia é especial, principalmente para a turma que adora um bom fundo musical e que ama acompanhar suas histórias com uma deliciosa trilha sonora.

Certeza que o dia de hoje será ainda mais especial...



Caçadora de Estrelas é um enredo que conta com uma Playlist tão especial e encantadora quanto a história. Ao ouvir as músicas conseguimos relembrar tudo o que vivemos e tudo o que esses personagens sentiram. É como se fossêmos transportados a àquele momento novamente e o turbilhão de sentimentos fôsse reativado.

Então, vocês que não conhecem a história adorarão passear pelas músicas e imaginar um pouquinho da história. Preparem o coração, pois a vontade de conhecer a Eva e O Gabs aumentará, e aqueles que já conhecem poderão relembrar com carinho, algumas lágrimas e sorrisos dessa história de vida, amor e superação.



Confira alguns títulos da Playlist do Romance:

The One That Got Away – Katy Perry


Photograph – Ed Sheeran


Love Me Like You Do – Ellie Gouding


I Won’t Give Up – Jason Mraz


Céu Azul – Charlie Brow Jr.


Último Romance – Los Hermanos


Por Enquanto – Cassia Eller


Romântico Anônimo – Marcos & Belutti


Cuida Bem Dela – Henrique & Juliano


Fica – Luan Santana


Como não amar? Com certeza essa playlist diz muito sobre a história e realmente nos faz sentir tudo novamente e com a mesma intensidade.

Então não percam mais tempo para conhecer essa história maravilhosa.

E quem quiser ouvir a Playlist completa é só acessar o link no Spotify ou pelo Youtube.

 

Me falem o que estão sentindo com essa Semana de Caçadora de Estrelas e fiquem ligadinhos que com a Semana do Black Friday o livro está baratinho na Amazon!!! 


Beijinhos da Lice

Oi pessoal, prontos para mais um pouquinho dessa história?

Hoje irei apresentar para vocês alguns quotes e com certeza vocês irão ficar caidinhos e loucos para conhecer a história...


Caçadora de Estrelas é aquela história com a dose certa de tudo, uma receita perfeita que inclui ingredientes prontos para nos fazer sorrir, chorar, nos emocionar e nos ensinar muitas coisas sobre a vida, o amor e sobre tudo o que vai dentro de nós.

Então se permitam viajar por essa história, conhecer esses personagens e sentir a essência de uma obra que irá ficar para sempre em seu coração, assim como ficou no meu.







Apaixonante, não?!
Só de relembrar esses trechos eu já sinto saudades da história e quero relê-la. É amor demais por esses personagens e por tudo o que vivi com eles. As lágrimas brotam sem permissão, droga!!!

E fiquem ligadinhos pois ainda não acabou, amanhã é dia de Playlist. 



Beijosssss da Lice

Hello leitores,


Hoje será o primeiro dia para começar a conhecer essa história que é MEGA especial. Mas não se esqueçam precisam ficar ligadinhos acompanhando a semana para ficar por dentro de tudo. Teremos Quotes, curiosidades, playlist e muito mais.
Posso prometer a vocês que no final do nosso especial estarão caindo de amores por essas histórias e por seus personagens e estarão loucos para começar a leitura.

Então, vamos lá?

Sinopse: Após flagrar o seu atual namorado com outro cara - não, você não leu errado - e constatar que o safado tinha um gosto para homens até melhor do que o seu, Eva se arrepende por ter abandonado a família, o gato, o emprego, os amigos e até e o país para segui-lo e decide que é hora de voltar para a casa, com o rabo entre as pernas, um mau humor feroz e sem um tostão no bolso. Mas ao contrário do que imaginou não é recebida com faixas e balões, muito menos com boas-vindas e sim com mais e mais azar - como se não bastasse todas as vezes em que foi traída, abandonada pelo circo ou roubada por alguma estrela errada -, seu irmão acabou com seu carro novo, seu pai se casou, ela ganhou duas quase irmãs indesejadas, seu melhor amigo roubou seu gato e ainda de quebra arrumou uma namorada. 



Embora a vida em casa não esteja como deixou, Eva é obrigada a seguir em frente e lidar com a situação como uma mulher adulta. O que em seu dicionário quer dizer se embebedar, distribuir socos e grosserias a quem quer que esteja ao seu alcance e recuperar seu gato - a qualquer custo -, nem que para isso precise roubá-lo de volta. O que desconhece é que o destino iria lhe preparar uma surpresa, lhe oferecendo algo que não poderia ter, um amor proibido. Será ela corajosa o suficiente para lidar com mais um coração partido, mesmo que seja pela estrela mais brilhante do céu?



💔 Book Trailer 💔


Agora para vocês perceberem um pouquinho do que vem por aí com essa história e as emoções que ela irá nos fazer sentir, confiram a opinião de uma das leitoras que assim como eu já conferiu e deliciou-se com essa obra!
Cinthia Freire

"Hoje venho falar de uma história que mexeu comigo de uma forma muito especial.
Quando a Raiza Varella me pediu para fazer a leitura crítica de Caçadora eu já tinha uma idéia do que me esperava nas páginas daquele arquivo. Já sabia que viria chumbo grosso pela frente e acima de tudo sabia que poderia barganhar mudanças, afinal de contas era uma leitura critica.
Mas o que eu não sabia era o quanto esse livro mudaria minha forma de olhar a vida.
Caçadora de estrelas conta a história de um amor puro, aquele amor que nasce sem que a gente sinta, que se instala em nosso peito, que faz morada em nosso coração e quando menos se espera ele toma conta de tudo.
Isso é o que Gabriel ( Ah Gabriel... ) faz com a vida da egoísta, mimada, insuportável e chata Eva (sim eu odiei a Eva a principio).
Eva tem uma obsessão em encontrar o amor da sua vida e na ânsia de acertar ela erra feio. Tão feio que chega a ser cômico e é nesse ritmo de chick lit que Raíza nos apresenta essa história.
Antes de ler Caçadora só existia um livro que havia me feito chorar de tanto rir e depois de tanto sofrer e esse livro foi Perdida. Achei que isso nunca mais aconteceria... como fui tola.
Ri das tragédias amorosas de Eva, xinguei todas a suas próximas gerações, suspirei de amores por Gabs e me diverti com essa família maluca.
Os capítulos foram passando e o riso foi diminuindo, dando lugar a um apertinho no peito enquanto eu observava a transformação na vida dessa garota. E então ela encontrou... Não na verdade nós encontramos a estrela, porque ao finalizar a leitura percebi que eu também sou um pouco Eva. Todos nós somos. Enquanto estamos em uma corrida desenfreada em busca de encontrar aquilo que "achamos" ser o que nos faz felizes perdemos tempo e deixamos de perceber o que realmente tem valor.
Uma história linda sobre amor, família, descobertas e crescimento.
Mais uma das histórias que nos fazem encher o peito e dizer com orgulho MADE IN BRAZIL

Quanto a Eva?? Ela me ensinou que a vida as vezes não segue o rumo que desejamos, mas é ai que está a magia, se tudo fosse perfeito, jamais encontraríamos tempo para encontrar a nossa estrela 💗"

Cinthia Freire, também é autora.  Conheçam suas obras no SKOOB.


Pois é, por hoje é tudo o que vocês irão saber rs.
Então fiquem ligadinhos que amanhã, e depois, e depois, tem mais rs, MUITO mais dessa história linda.



PS: continuem procurando a sua estrelinha, ou não...


Beijinhos da Lice


Oii amores, tudo bem com vocês?

Hoje começa a Semana Caçadora de Estrelas, na qual falarei para vocês detalhes sobre este livro que tornou-se o meu preferido e conseguiu mexer com todos os meus sentimentos!!



É sempre um prazer enorme quando fazemos uma Semana Especial, afinal é especial demais falar dos autores que amamos e admiramos, mais perfeito ainda é falar de suas histórias que tanto nos emocionam, modificam (sempre para melhor, claro) e que serão para sempre inesquecíveis em nossos corações.
Com Raíza Varella é assim. Ela tem o dom de nos fazer rir, chorar, emocionar, destruir nossos corações, pegar os pedacinhos dele e tentar reconstruir... Tudo isso em um virar de páginas.
Suas histórias são cheias de emoções, sensações, diversos sentimentos que parecem uma verdadeira avalanche dentro de nós.
Quem não gosta de histórias assim? Então se sua resposta é sim, você precisa conhecer as obras da Raíza, TODAS, sem exceção, mas nossa semana de hoje terá uma história em especial: Caçadora de Estrelas, uma das histórias da Rah que mais emocionou os leitores e ensinou muitas coisas. 

Então um pequeno aviso para você leitor: Se estiver pronto para chorar e ter o seu coração partido em mil pedaços em formato de estrelas, embarque nessa viagem, e se não estiver embarque mesmo assim, a autora promete uma consulta com a melhor psicóloga que já existiu, nossa amada Eva Donatella Marinho, a querida personagem de Caçadora de Estrelas.
Eu já passei pelo consultório da Doutora Eva e posso afirmar que sair dele sem derramar lágrimas é quase impossível, porém o coração quebrado vale a pena quando lidamos com uma escrita fascinante e personagens apaixonantes!!!


Raiza Varella nasceu em São Paulo, Capital. É apaixonada por livros e animais quase tanto quanto é apaixonada por Supernatural, Dr. House e fast-food, quase! Tem preferência por finais felizes e ainda teima em acreditar em abóboras e fadas madrinhas, tanto que decidiu escrever seus próprios contos de fadas. O Garoto dos Olhos Azuis, seu romance de estreia, provou que ela tem a fórmula perfeita para mesclar comédia e romance no ponto certo para agradar do começo ao fim. Formada em Direito e fissurada por amores impossíveis, mora na cidade natal com o marido e o filho, um cão e uma gata dotados de personalidades próprias e muita criatividade para o mal.





Os leitores que já conhecem a Raíza são unânimes, como bem dito na biografia da autora ela é "perfeita para mesclar comédia e romance no ponto certo para agradar do começo ao fim", só faltou dizer aí a parte da emoção, emoção essa que sempre leva um pedaço do nosso coração embora e nunca mais recuperamos. Seus personagens são cativantes e é impossível não se apaixonar por todos eles, mesmo quando queremos odiar alguns.

A Trilogia Encantados arrebentou de sucesso na bienal, os leitores que já conheciam não perderam a oportunidade de abraçar a autora e os que ainda não conheciam, se encantaram com obra e autora (com o perdão do trocadilho rs).
Os dois primeiros livros já foram lançados, o livro 3, O Garoto Que Eu Abandonei tem previsão para início do ano que vem, então aproveitem. É uma trilogia mas vocês podem ler de forma independente, não são continuação entre si, mas o legal é começar pelo O Garoto dos Olhos Azuis, pois em O Garoto Que Tinha Asas temos de volta também os personagens do primeiro livro, afinal essa família não poderia nos abandonar. 
Estou com o primeiro livro da Trilogia para ler e logo mais sai resenha dele aqui *-*

Enquanto Seus Pés Não Tocarem o Chão por enquanto está disponível no WattPad, e se vocês amam um romance mesclado com todos os ingredientes da Raíza, mais o adicional do mistério vão amar essa história, mas preparem os lencinhos.

O Último Adeus é um conto disponível na Amazon e fará vocês conhecerem um pouquinho da escrita maravilhosa da Raíza.

E claro finalmente a história que é o motivo (no momento pois a ideia é fazer váriossss especiais com todas essas histórias lindas) de nossa Semana Especial: Caçadora de Estrelas.
Masssssss como hoje é só a apresentação da autora e das outras obras, vocês terão só um "tira-gosto" rs.


Espero que vocês tenham gostado de conhecer sobre as obras da Raiza!!! Fiquem ligadinhos que amanhã sai mais curiosiades sobre Caçadora de Estrelas e esse Especial está apenas começando...



Beijinhos da Lice

Hey leitores,

Assisti The Duff tem algum tempinho e simplesmente adorei esse filme. Uma comédia romântica adolescente que te faz dá boas gargalhadas, mas que no fundo tem uma bela mensagem de aceitação para os jovens.

The Duff
Data de lançamento: 30 de julho de 2015 (Brasil)
Direção: Ari Sandel
Roteiro: Josh A. Cagan
Autora: Kody Keplinger

"Não importa o rótulo que te puserem, só você pode se definir."



SINOPSE: A jovem Bianca descobre que foi escolhida pelas amigas de colégio como uma D.U.F.F., uma amiga feia para que elas se pareçam ainda mais bonitas quando comparadas. Revoltada, Bianca pede a um atleta popular da escola para ajudá-la a melhorar seu visual.


The Duff é uma adaptação do livro "Duff" da Kody Keplinger. Nele teremos a história da Bianca Piper (Mae Whitman) uma adolescente que está cursando o último ano do ensino médio e destaca-se pela sua inteligência. Ela tem duas melhores amigas, a Jess (Skyler Samuels) e Casey (Bianca Santos), ambas são lindas e populares no colégio, enquanto a Bianca é a "estranha" do trio, não enquadrando-se nos padrões de belezas pré-estabelecidos.

Jess, Casey e Bianca
A Bi sempre foi vizinha do melhor jogador de futebol do colégio, Wesley Rush "Wes" (Robbie Amell). Ele é mulherengo, idiota e o ex da patricinha do colégio Madison Morgan (Bella Thorne). Bianca tem uma queda pelo lindo Toby Tucker (Nick Eversman), no entanto, nunca conseguiu falar mais de 3 palavras com ele.

Madison, Wes e Toby

Em uma festa, Wes está conversando com Bianca e sem querer fala que ela é a "Duff" das suas amigas. Duff é a sigla para: desengoçada, útil, feia e fofa. Ele explica que a Duff  não é exatamente a gorda e feia das amigas, é apenas a menos bonita, aquela que os garotos chegam para colher informações sobre as outras. Ela fica desconsolada e não aceita que ela seja uma Duff. Mas aos poucos, sua ficha vai caindo e ela percebe que é uma DUFF e que todo grupo tem uma.



Bianca acaba mudando completamente depois do ocorrido, afasta-se das suas amigas e tenta mudar sua aparência. Sabendo que o Wes está indo péssimo em ciência, ela pede sua ajuda para deixar de ser uma Duff e em troca ajuda-o na disciplina. 

A partir disto, ambos viverão momentos especias. Ela descobrirá outra garota dentro si e acabará despertando a sua ousadia. Bi chama o Toby para um encontro e pela primeira vez sente-se uma poderosa. Ela e o Wes, ainda passarão por muitas coisas e novos sentimentos podem acabar sendo descobertos neste tempo.

Você deixará as pessoas dizerem como você deve agir? A sua personalidade é você quem determina... Você é uma Duff??? Seja uma Duff, seja feliz e isto é o que importa!!!


Esse filme é fabuloso. Divertido, fofo e com uma pegada de romance. Mesmo tratando do universo adolescente é um filme que qualquer pessoa poderá assistir, pois os adolescentes se identificarão com as cenas do seu cotidiano e os demais terão a nostalgia de relembrar momentos especiais.

No fundo, o filme tem uma grande missão, fazer os adolescentes se aceitarem do seu jeito, recusando as imposições da sociedade e não deixando que isto influencie na construção da sua personalidade.

A Bianca é uma personagem engraçada, louca e livre, ela acaba apredendo que precisa se aceitar do jeito que é, pois desta forma o resto será uma mera consequência. O Wes é o típico galãzinho encantador, lindo, maravilhoso e g̶o̶s̶t̶o̶s̶o̶. Supirei com ele demais hahaha


Quando eu assisti esse filme fui correndo comprar o livro e adivinhem? Ainda não li... Acabei adiando tanto essa leitura, mas quero muito ler, pois tenho uma quedinha por histórias deste tipo. Assim que eu ler, sairá resenha aqui no blog!

Links para assistir:

Links para comprar o Livro:


Espero que tenham gostado e corram para assistir esse filme *0*


Beijinhos da Lice
     

Olá leitores, tudo bem com vocês?

Comecei a ler "Minha Obsessão" depois de ler os primeiros capítulos do segundo livro da trilogia "Meu Delírio" disponibilizado pela Editora Fonzie
Foi uma leitura desafiadora que mexe com os sentimentos mais profundos do leitor, levando-o a sentir remorso, raiva, dor e decepção. Esse livro despertou tantas coisas em mim, que resenhá-lo tornou-se uma tarefa difícil!

Minha Obsessão
Autora: Érica Christieh
Páginas: 148
Nota: 💙💙💙💙

"Eu me virei olhando em direção a ele e tenho a certeza de nunca ter visto aquele cara em toda a minha vida"


SINOPSE: Zoe Morgan é uma adolescente de 18 anos, tímida, de poucos amigos, que não possui sonhos e que há muito tempo não se sente notável. Ela luta insistentemente com um passado traumático e cheio de medos. Abusada sexualmente pelo próprio padrasto, Zoe tenta entender os motivos que levaram a sua mãe, Elisabeth Morgan a se preocupar mais em lhe arranjar um emprego, do que perceber o que aconteceu debaixo do próprio teto. Quando obrigada pela própria mãe a ir trabalhar na biblioteca da pacata cidade onde mora, ela conhece Arthur Bernardo, bonito, sorridente e um perfeito sedutor. Porém enquanto ela ainda luta para contar o segredo sobre os abusos causados pelo marido da mãe, se ver perdidamente apaixonada por Arthur e aprisionada por uma obsessão sem fim. Uma história apaixonante que vai prendê-lo até a última pagina.


"Um novo capítulo começava ali"

Zoe Morgan é uma garota tímida que prefere viver isolada do mundo e nos últimos 6 meses sua rotina limita-se a ficar trancada em seu quarto. Sem sonhos, sem amigos, sem auto-estima, seu passado é o seu pior pesadelo e conviver com lembranças diárias dele é o seu tormento.
Ela foi abusada por seu padastro e guardou este fato para si, pois temia que as ameaças do agressor se tornassem realidade.

Ela mora com a sua mãe na pequena cidade do Colorado, interior do Rio Grande do Sul. Sua mãe, Elisabeth Morgan trabalha como secretária no gabinete do prefeito da cidade. Cansada de ver sua filha isolada, Elisabeth arruma um emprego para Zoe na biblioteca da cidade. Mas o que parecia ser o caminho para libertar a garota de toda sua exclusão, acaba tornando-se em um caminho de pertubação sem volta...

No seu primeiro dia de trabalho, Zoe conhece seu chef, Arthur Bernardo. Lindo, sorriso encantador, galanteador e irmão do prefeito. A garota apaixona-se perdidamente pelo maior cafajeste do Colorado e está longe de saber a enrascada em que se meteu. Na biblioteca ela terá dois companheiros de trabalho: Eros, o garoto de óculos que possue o sorriso mais lindo que ela já viu; e a espivitada Nicole, uma fofoqueira de primeira classe.

"Ele ajeitou o óculos enquanto me lançava aquele sorriso bonitinho que só ele tinha. Parecia um rapaz direito, atencioso e certamente um cavalheiro, desastrado, porém um belo cavalheiro"  

Zoe, aos poucos, vai ganhando um objetivo na vida: conquistar o Arthur e tê-lo só para ela. O rapaz é sincero com ela e deixa claro que não presta, mesmo assim, ela mantêm-se convicta no seu desejo. Eles acabam envolvendo-se e Arthur deixa claro que eles só podem se ver as escondidas e que ninguém pode desconfiar deste caso.
Em meio a isso, a Zoe toma coragem e conta para sua mãe dos abusos sofridos. Seu padastro é preso e mais do que nunca sua mãe sente a necessidade de protegê-la. 

Mesmo sendo avisada por todas as pessoas próximas a si de que o Arthur não presta, Zoe embarca em um "relacionamento" secreto com ele, submetendo-se a encontros no meio da noite e entrar escondida em sua casa. A garota vai adquirindo uma obsessão doentia por Arthur, que depois de ter dela o que deseja a ignora, tratando-a como um lixo. Todas as noites o protocolo repete-se: sexo, ignorância e o enxotamento dela da sua casa.

O que fazer quando o amor vira uma obsessão? O que fazer quando o sentimento tornar-se doentio? Até onde vai a obsessão e que consequências isto pode acarretar?

"Arthur era uma mistura de paixão com algo feroz e selvagem"



"Minha Obsessão" é o tipo de livro que você até rir no começo, por achar a personagem cômica por se apaixonar a primeira vista e por repetir que irá ficar com o Arthur custe o que custar. No desenrolar da história você começa a ficar angustiado com as atitudes da Zoe e com as migalhas que ela aceita receber. Nesse momento, você percebe a intenção da autora e faz uma única coisa: chora! Chora por conhecer uma pessoa que já viveu a mesma situação ou chora por se imaginar no lugar da Zoe.

A Zoe não tem auto-estima, ela acredita que por o Arthur se interessar por ela, ele será o único, então ela tem que fazer de tudo para lhe agradar e conquistá-lo. Ela se acha feia, desengonçada e rídicula, não sendo capaz de perceber o carinha que está ao seu lado e que é completamente apaixonado por ela.

"Então eu me dei conta do quanto eu estava perdida por ele, obstinada, dominada, obsessiva, não tê-lo ali comigo era uma das piores torturas das quais um dia eu poderia imaginar"

O livro possui muitas cenas na qual o Arthur humilha a Zoe. E o pior é ela aceitar as humilhações e achar que irá mudá-lo, que ele só está assim porque ela fez algo de errado. 
Para mim, essas cenas foram difícies de engolir, eu tinha vontade de dar uns bons tabefes nessa garota para ela enxergar a realidade.

O Arthur, talvez, seja o personagem mais doente da história, pois ele sente prazer em humilhar, não importando-se com os sentimentos alheios. A Zoe é uma grande vítima. Ela é vítima do seu passado, da ausência de um pai, da falta de confiança, vítima de si mesma!!!
Já o Eros é um personagem encantador, um amigo que está disposto a ajudá-la, mas que deixa claro seus sentimentos, mostrando-a o que é amor de verdade.

"Quando a gente gosta realmente de uma pessoa, nós sentimos orgulho de mostrar isso"

A autora foi certeira ao colocar tantos sentimentos conflitantes em um único livro. "Minha Obsessão" é o retrato de muitos jovens que submetem-se a humilhações, migalhas de afeto, palavras bonitas e esquecem de si mesmos. Esquecem do seu valor, do seu amor próprio, do seu crescimento. 
É fácil encontrarmos uma Zoe por aí e ter consciência dessa realidade, dói. Dói porque é uma vida que pode acabar destruindo-se por falta de "AMOR PRÓPRIO", dói porque poderá ser mais uma jovem que acabará nas estatísticas de suícidio, dói porque a obsessão é um caminho difícil e sem apoio, não tem volta.

"Além de feia você costuma ser burra. E a merda do segredo? O que eu faço agora que toda a cidade já sabe que eu ando saindo com Zoe Morgan?"

Minhas emoções foram despertadas, pois já vivi algumas situações da Zoe e ler aquilo reviveu minhas feridas.
O final do livro é uma grande lição e acho que cumpriu bem o seu papel, colocou esperança nos corações do leitor e trouxe certa paz depois de tanta angústia.


Redes Sociais da Autora:

Link para compra do Livro:

Link para compra do próximo livro "Meu Delírio":


"Você é uma menina incrível. Seja feliz com você mesma e isso bastará"

A obsessão é o caminho para a loucura e sofrimento. O amor é a limpeza de um coração!!! Ama-se!    



Beijos da Lice