Olá gnomos,

Acho que vocês perceberam que está saindo resenha todo dia né?! Tudo isto é fruto de um sprint de leituras que aconteceu no fim do ano com a #MaratonaDoDesespero. Consegui cumprir os 4 desafios, o que contribuiu para a minha quantidade de livros lidos em Dezembro! Em breve sai o post com estas leituras completas!


Hoje venho resenhar o livro "A Outra Chance" do parceiro Alfonso Celso Brandão de Sá. O livro é pura reflexão, nos levando a imaginar como será o futuro depois de um mundo apocalíptico. É lindo, emocionante e tocante!


A Outra Chance
Autor: Afonso Celso Brandão de Sá
Páginas: 200
Editora: Chiado
Nota: 💙💙💙💙💙 / Favoritado
Onde Comprar: Chiado / EasyBooks

SINOPSE: Nem sempre o homem é o senhor de suas decisões. Há certas circunstâncias em que o sentimento supera a razão e para todo o sempre há uma voz superior. O homem é o senhor do seu destino, mas ele deve responsabilidades a um ser superior. Um vírus mortal ataca a humanidade e coloca-a em risco de extinção. Um homem descobre, afinal, a razão da existência dessa ameaça e porque fora escolhido para tal missão. No entanto, um preço muito alto terá que ser pago para conseguir esse objetivo. Mesmo sem querer, ele tem uma missão que terá que cumprir a qualquer custo, independente de sua vontade. Descubra os desígnios da humanidade, porque estamos aqui e se merecemos estar aqui.



"Ele ganhou apenas mais uma batalha, a guerra não. O destino, às vezes, nos reserva coisas que, no momento, não somos capazes de enetender. Pode ser que, mais tarde, os fatos fiquem mais claros para todos nós. Acho que nada acontece por acaso"

"A Outra Chance" começa com amigos reunidos em uma mesa de bar, onde um dos amigos começa a contar uma estória. O ano é 1985 e teremos a estória de Luis Radiani. Luis é um homem de 28 anos, formado em direito que está estudando loucamente para o concurso público de promotor de justiça. 
Ele namora Sônia, uma bela médica, que mesmo sabendo que Luis ainda não possui excelentes condições financeiras o amava e compartilhava com ele o sonho de passar no concurso.

Por conta do concurso, ambos acabaram vendo-se menos, pois Luis dedicava quase todas as suas horas para estudar. Enfim, chegou o concurso e logo depois o resultado. Luis foi aprovado em primeiro lugar, tomando logo depois seu lugar como promotor na cidade maravilhosa. Agora ele poderia casar-se com Sônia e construir a família que tanto ansiava. 

Em meio a isso, um vírus contaminava o mundo e já estava sendo anunciado como o vírus do século. Este vírus manifestava-se e a contaminação ocorria da mesma forma que a AIDS, chegaram a achar que era uma mutação do HIV, mas os cientistas refutaram esta teoria e não conseguiam descobrir como o tal vírus atuava e o que fazer para refreá-lo. Como médica infectologista, Sônia estava diretamente relacionada com o vírus e entristecia-se por não poder salvar as vidas contaminadas pelo tal vírus.  

Três anos passaram-se, Luis e Sônia estavam casados e com um filho de 2 anos, o Pablo. Luis e Sônia adoravam assistir o pôr-do-sol no Sombra do Coqueiro, um barzinho com alguns pés de coco ao redor que traziam uma paz imensa ao casal. Sônia engravidou novamente e deu a luz a Elisa, uma linda menina.  

O mundo e a imprensa ainda estavam impressionados com a tal doença avassaladora. A sociedade começava até preconceito com os doentes, não queria-os por perto, pois o medo de contrair o tal vírus era imenso. Luis teve que pegar um caso, onde um dos doentes escondeu de todos a sua situação, continuava fazendo relações sem preservativo e em menos de 4 anos contaminou 300 pessoas. 

Quando Pablo e Elisa tinham, respectivamente, 6 e 3 anos o casal decidir fazer uma viagem pela Europa. A viagem foi maravilhosa, mas ao chegar ao Brasil, Luis descobriu que seu pai acabara de falescer.
Mais três anos passaram e o homem resolveu realizar um sonho de infância: a compra de um barco. Junto com a esposa, e um casal de amigos: Luiza e Felipe, foram pescar pela primeira vez. A vida parecia estar maravilhosa.

Como Sônia estava cada vez mais envolvida com o vírus e suas descobertas, a mulher participava agora de palestras pelo mundo, esperando sempre ouvir que alguém descobrira a cura para do RT-35, nome dado ao vírus. No entanto, nem os melhores médicos do mundo conseguiam ter sucesso com a doença, que a cada dia avançava pelo mundo e matava milhões de pessoas.
Nessa viagem a Nova York, Sônia acabou presenciando uma cena desoladora, um grupo de jovens assassinaram outros na sua frente, começava ali o seu primeiro contato com "Os Vingadores".

"Os Vingadores" eram um grupo de pessoas com o vírus que atuavam pelo mundo todo. Eles simplesmenete chegavam em um determinado local e atiravam em todos que viam pela frente, queriam apenas vingar-se pela sua doença, se eles não tinham cura levariam o maior número de pessoas consigo. Não importavam-se em ser presos ou mortos, pois sabiam que a morte chegaria uma hora ou outra.
Em uma dessas ações dos vingadores, eles invadiram o sítio dos pais de Sônia e acabaram matando-os junto com o casal de caseiros. Essa foi a primeira vez que o vírus tinha impacto direto na vida da família.

Na morte dos pais, o casal acabou conhecendo o detetive Eduardo que estava cuidando do caso. Eduardo acabou tornando-se um amigo intímo do casal, que acabou tornando-se sua única família, já que o detetive não tinha parentes e não queria casar-se.
Enquanto isso, Pablo e Elisa cresciam. O garoto já tinha 15 anos, amava jogar futebol e tinha um grande talento enorme, participando de jogos com o time da escola. Na volta de um desses jogos, o ônibus da escola acabou sofrendo um acidente, acarretando em várias mortes. Pablo, por sorte havia ficado apenas ferido, mas tinha necessitado realizar uma transfusão de sangue.

Com o passar do tempo, a família descobre que o garoto está com o vírus RT-35 e agora precisavam cuidar dele. Mas uma vez a família se ver atingida pela doença, agora diretamente. Em meio a isso, o mundo estava cada vez mais decadente, a doença apenas se alastrava e não eram encontrados resultados positivos para barrar o vírus. As ruas já não eram as mesmas e o caos alastrava-se aos poucos. Médicos não queriam mais trabalhar por medo de adquirir tal doença e alimentos básicos já eram motivos de guerra entre os pobres. E, claro, os vingadores continuavam a atacar.

Luis não era um homem comum, ele acreditava em uma força maior e achava que os seres humanos tinham ligação direta com a alastração do vírus. Destruir a natureza de forma avassaladora não poderia ser algo normal. Ele sentia que podia fazer a diferença, que tinha algo de especial, só não sabia como agir ou o que fazer.
Será que essa família achará uma forma de não ser levada ao fundo do poço como a população mundial? Como esse vírus continuará atacando os Radiani? Será apenas o começo do fim do mundo? Tem como salvar a Terra dessa situação?


"Paciência, o jogo da vida continuava. Não poderia desistir"

"A Outra Chance" é um livro extremamente reflexivo. Ele te faz imaginar como as suas ações hoje interfirirão na sociedade futura. As pessoas andam vivendo do ódio, compartilhando o mal e isto reflete energia negativa no universo, que devolve isto para nós.

O Luis é um personagem muito bem construído. Ele possui uma força interna e determinação que o fez alcançar um lugar desejado na sociedade. Ele é respeitado, tem uma carreira sólida e sua família é seu bem mais precioso. Luis acaba tendo alguns sonhos pertubadores que acabam tornando-se constante e com isso ele descobre que tem algo de especial, que ele tem uma missão, mas descobrir essa missão e lidar com ela é o grande desafio. Luis é um grande defensor da natureza, ele tem o desejo de acabar com a desmatação, ele quer fazer algo pelo mundo.

Já a Sônia é um mulher forte. Ela cuida da sua família e se dedica o máximo ao seu emprego. Salvar vidas é a sua felicidade, mas quando não consegue acaba ficando desolada. O Vírus RT-35 é o seu grande desafio, ela desejava que achassem uma cura o mais rápido possível e a cada frustação dos cientistas, era uma batalha perdida.
O Eduardo, é um personagem que aparece pouco, mas que nas últimas páginas do livro tornar-se fundamental, ele provou ser um grande amigo.

O tema abordado no livro consegue prender o leitor. O apocalíptico é retratado de uma forma tão real e com cenas atuais que em alguns momentos me vi questionando se aquelas cenas não seriam o nosso futuro. Tenho quase certeza que se não começarmos a mudar nossas ações, acabaremos como os personagens e não teremos um mundo habitável.


"Aquele, sem dúvida, era um lugar para se ser feliz. Mas, infelizmente, nada daquilo acontecia mais. A realidade, agora, era outra, e, inexoravelmente, cruel" 

Eu demorei um pouco para pegar o ritmo da leitura, mas quando cheguei na metade simplesmente devorei as páginas, acabei em pouco tempo.
O livro tem um enfoque bacana na destruição da natureza, o quanto isto impactou a sociedade do livro e como pode impactar a nossa sociedade.
O final é um tapa muito bem dado na cara do leitor, você percebe que tudo se encaixou e como foi bem elaborado.

A diagramação do livro está impecável. As letras e fontes são agradáveis, o papel é firme (o que já um milagre, pois alguns papéis da Chiado são bem ruins). A capa encaixa-se perfeitamente no contexto e o título não poderia ser melhor.

Consegui ter as minhas diversas emoções durante a leitura. Senti raiva dos vingadores por acharem que possuíam o direito de tirar a vida de inocentes. Senti pena dessa família e do mundo por estar passando por tanto sofrimento. Senti orgulho do detetive Eduardo por se mostrar tão forte e ser um amigo leal. Senti amor e principalmente senti leveza em cada palavra.
É uma leitura que todas as pessoas deveriam fazer para abrangerem a sua visão do mundo, os seus sentimentos e sua fé.

Cada dia temos uma nova chance de viver, temos a chance de levantar e ir a luta. Mas o que fazemos? Simplesmente destruímos o nosso planeta a cada segundo. A água já está acabando, já passamos por várias crises, o ar fica a cada dia menos respirável e continuamos achando que isto é normal. Mas não é! Nada disso é normal! A destruição do planeta também vai nos destruir, então essas ações também estão nos matando.
Você tem outra chance amanhã, de fazer tudo diferente, então faça! Aproveite cada chance que Deus te dar e faça a mudança em você!
Eu sei o que fazer com a miha outra chance, e você?

Redes Sociais do Autor:

Beijinhos da Lice         

     

50 Comentários

  1. Não conhecia o livro, mas pelo que contaste, parece ser bastante interessante! :)

    Style Days Blog

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da resenha Lice! Como sempre, fantástica!!
    Estou doida pra ler esse livro.
    beijinhos

    https://leiturize-se.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Você irá adorar Cami, é muito bom *-*

      Excluir
  3. Gosto de livros que nos fazem refletir.
    Adorei sua resenha.
    Mais um pra lista.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. não conhecia o livro, mas pela resenha já gostei dele ^^
    beeijos
    bellapagina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. a história parece ser ótima! não conhecia esse livro e nem o autor!

    xoxo
    Guria do Século Passado

    ResponderExcluir
  6. Ainda não conhecia o livro, mas cara, a história parece muito boa! Acho que ia me prender bastante também, adorei da resenha!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Realmente a história prende do início ao fim!

      Excluir
  7. Que resenha linda, adorei! E as fotos então 😍
    Vou adicionar o livro na wishlist..
    Beijos, Bia 😘
    delirioliterariooficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Ainda não conhecia esse livro, mas já gostei pela resenha. Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é lindo, com uma mensagem bem reflexiva.

      Excluir
  9. A capa não é tão atraente e o tema não é um dos meus favoritos, mas reconheço o nome, e li um livro desse autor. A capa dele também não é linda mas a escrita dele é ótima. Se puder, confira O limpador de quintais!

    Beijos, Carol
    Blog com V.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conhecia esse outro livro dele, vou dar uma procurada, pois a escrita é realmente muito boa!

      Excluir
  10. mas gente, que vingadores malucos, fiquei chocada. Quero muito ler, a capa não é nenhum pouco atrativa, porém a história me chamou atenção. adorei a resenha beijos

    Taynara Mello
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Os vingadores são loucos haha A capa se encaixa super na história, se você ler irá perceber isto!

      Excluir
  11. Nunca tinha visto ou ouvido falar sobre esse livro, mas sua resenha me deixou curiosa.. parece ser cheio de sentimentos esse livro :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E bote sentimentos nisso viu?! É intenso do início ao fim!

      Excluir
  12. Oi Alice!! Que tema interessante, bom saber que a leitura pode ser um pouco lenta no inicio, mas que depois engata bem. Gostei da dica!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  13. Que lindo! Gosto de livros que narram muitos anos, onde a gente acompanha o crescimento do personagem. Fico meio indecisa com essa temática forte, mas me pareceu ser um livro leve. Parabéns!

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia o livro, mas parece ser interessante.
    Beijinhoos. ❤
    Amor de Lua Azul
    Instagram - Google + - Twitter

    ResponderExcluir
  15. Oi, Alice!
    Nossa! Esse livro parece ser bem bom, principalmente com esse tapa na cara no final. Já quero!
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção de três anos de Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  16. Não conheço o autor, e se eu fosse comprar esse livro, na livraria não compraria por que não leio sinopses, mas depois dessa resenha se eu ver ele na livraria é o primeiro que eu compre parabéns pela resenha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Eu também não leio sinopses, acho que acaba tirando o brilho, pois algumas revelam demais!

      Excluir
  17. Olá Alice!
    Não conhecia nem o autor e nem o livro, mas a história me deixou curiosa.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Amei demais sua resenha, ficou bem completa e muito informativa! Não conhecia esse livro ainda. ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  19. Olá Alice
    Não conhecia o livro, fiquei curiosa para ler e já coloquei na lista dos desejados.
    A temática pós apocalíptico é sempre importante e instigante do ponto de vista reflexivo.
    Personagens bem construídos sempre prendem a atenção e deixam saudades qd terminamos de ler.
    Amei a resenha.
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Luli *-*
      O cenário do livro é realmente fantástico, você se imagina a todo instante dentro da obra!

      Excluir
  20. Oi, Alice. Amei sua resenha e a proposta do livro! Achei um pouco de informação demais no começo da história, mas gostei bastante do rumo que ela seguiu. Não conhecia nem a obra nem o autor, mas fiquei interessada para descobrir como tudo acaba.
    Beijo! Leitora Encantada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo acaba da melhor forma, disto tenha certeza. O desfecho contempla toda a reflexão!

      Excluir
  21. Olá, Alice.
    Eu achei essa capa bem sem graça e nem olharia duas vezes para o livro se fosse por ela. Essa é a primeira resenha que vejo desse livro e no inicio achei que não fosse me interessar, mas conforme fui lendo sua resenha me interessei bastante pela história e leria ele sem dúvida. Vou anotar aqui na minha lista.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não dava nada pelo livro e ele foi uma daquelas surpresas que você guardar em uma caixinha!

      Excluir
  22. Nunca li, mas parece um ótimo livro.

    http://pollyannamonyque.blogspot.com.br/
    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir
  23. Oi Lice! 😉

    Eu amei a resenha, já quero ler o livro.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  24. Oi Lice! 😉

    Eu amei a resenha, já quero ler o livro.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  25. To com esse livro aqui pra ler, agora fiquei com ainda mais vontade

    ResponderExcluir
  26. Como sempre você arrasa né Alice, adoro suas resenhas e fiquei interessada no livro, obrigado pela indicação. Beijos até a próxima.

    ResponderExcluir